POETA FRANCIS GOMES

POETA FRANCIS GOMES

PALESTRAS, OFICINAS, COMPRA DE OBRAS LITERÁRIAS.

CONTATOS:

contatos:
tchekos@ig.com.br
11 954860939 Tim
11 976154394 Claro

domingo, 7 de setembro de 2014

Condenado pela cor


Ele sempre foi honesto, trabalhador.
Passou a vida inteira se preparando para morrer com dignidade,
E após sua morte, ser lembrado como um grande homem
Digno de toda honraria.
Mas em um deste principio de noite de natal
Voltava do trabalho para casa com o presente
Da mulher e do único filho de cinco anos.
Entre as luzes vermelhas que piscava
Ouviu pela primeira e última vez:
VAGABUNDOOOOOOO.
Recebeu um tiro no peito.
Nunca bebeu, nem fumou.
Nunca matou uma ave se quer.
No último documento que a polícia registrou dele, constava:
Bandido, traficante e assassino perigoso.
Acredite tudo isso porque era preto.
A polícia precisava encontrar um culpado
Então presenteou Deus com mais um inocente.



Francis Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário